people-690810_1280

Prêmio Empreendedor Cultural inicia escolha dos projetos vencedores

A terceira edição do Prêmio Empreendedor Cultural começa o ano de 2017 analisando os projetos inscritos. Com patrocínio da RGE Sul e realização da Cida Cultural, a iniciativa recebeu mais de 50 propostas de empreendedores culturais de todas as regiões habilitadas a participar (Central, Vale do Sinos, Vale do Taquari, Fronteira Oeste e Vale do Rio Pardo) e nos mais diversos segmentos propostos pela curadoria, como manutenção de espaços, música, conhecimentos, artes integradas, ocupação cultural, cinema e muitos outros. Produtores culturais de cidades como Novo Hamburgo, São Leopoldo, Canoas, Santa Maria, Uruguaiana, Bossoroca, Agudo, Santa Cruz do Sul, Lajeado, Morro Reuter, entre outras tiveram projetos habilitados a concorrer ao prêmio.

Antes da divulgação dos selecionados o Prêmio Empreendedor Cultural terá uma extensa programação de atividades. A primeira, será no dia 14 de janeiro com o primeiro encontro da comissão curadora. Neste momento serão distribuídos os projetos que cada um dos jurados irá analisar. (Saiba mais sobre a comissão julgadora em (http://empreendedorcultural.com.br/comissao-curadora)

Os produtores dos 15 projetos pré-selecionados após a reunião coletiva de avaliação, no dia 04 de fevereiro, terão a oportunidade de participar da Residência Sociocriativa, em Santa Maria – RS. Entre os dias 17 e 19 de fevereiro, o curador do Prêmio Empreendedor Cultural, André Martinez, facilitará uma oficina imersiva onde os pré-selecionados colaborarão para aprimoramento das suas propostas. A residência propõe o compartilhamento de conhecimento para ampliar o impacto social dos projetos. Experiências serão trocadas e cada projeto poderá “hackear” o que os outros projetos têm de melhor. Neste encontro serão realizadas atividades de sensibilização e envolvimento do grupo, autoconhecimento, troca de experiências, escuta e reflexão sobre aspectos culturais e humanos.

Após a Residência Sociocriativa, os projetos pré-selecionados voltarão para a última análise da comissão curadora juntamente com representantes da RGE Sul, empresa patrocinadora. No dia 07 de abril serão divulgados os projetos vencedores da 3a edição do Prêmio Empreendedor Cultural no site http://www.empreendedorcultural.com.br.

Sobre o Prêmio:

O Prêmio Empreendedor Cultural, patrocinado pela RGE Sul, busca estimular produtores que fazem a diferença em suas comunidades, oferecendo formação, recursos financeiros e acompanhamento técnico. Na terceira edição serão destinados 200 mil reais para projetos culturais de quaisquer segmentos ou linguagens artísticas.

Sobre o patrocinador:

A CPFL Energia, há 104 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização, serviços e telecomunicações. É líder no mercado de distribuição, com 14,3% de participação, totalizando mais de 9,1 milhões de clientes em 679 cidades em São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná.

Na comercialização, é um dos líderes no mercado livre, com uma participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais entre as comercializadoras. É um dos líderes na comercialização de energia incentivada para clientes livres.

Na geração, é o terceiro maior agente privado do país, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis. A CPFL Geração conta com 2.248 MW de potência instalada, considerando sua participação equivalente em cada um dos ativos de geração. Em 2011, criou a CPFL Renováveis, com ativos como PCHs, parques eólicos, termelétricas a biomassa e a usina solar Tanquinho, pioneira no Estado de São Paulo e uma das maiores do Brasil. Adicionando a participação equivalente na CPFL Renováveis, a capacidade instalada total do Grupo CPFL atingiu 3.192 MW no final do terceiro trimestre de 2016. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros.

A CPFL Energia tem ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets e do Morgan Stanley Capital International Global Sustainability Index (MSCI). Pelo 11º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa.

Sobre a realizadora: 

A Cida Cultural é uma empresa que atua há quase 30 anos no mercado cultural do Rio Grande do Sul e do Brasil. Especializada em gestão, planejamento e produção em projetos culturais. A empresa provê assessoria técnica e soluções altamente especializadas em patrocínio cultural e investimento sociocultural privado.

Sobre o curador: 

André Martinez é pesquisador independente, consultor, curador, filmmaker, professor e conferencista e diretor da Aprax Inovação Viva. Atuando há mais de 20 anos na economia criativa, é pioneiro no desenvolvimento de modelos de gestão para lidar com as transversalidades da cultura no contexto brasileiro.

Programação Prêmio Empreendedor Cultural: 

Implementação dos Jurados: 14 de janeiro.

Reunião Coletiva e escolha dos pré-selecionados: 04 de fevereiro.

Residência Sociocriativa: 17, 18, 19 de fevereiro, em Santa Maria – RS.

Reunião RGE Sul e Comissão Curadora: 17 de março.

Premiação final: 07 de abril de 2017.